CONTROLO DE ATUADOR EM AMBIENTE ALTAMENTE CORROSIVO

Dental chair valve ASCO Numatics Europe Application stories

Partilhe esta página 
FacebookTwitterGoogleLinkedInPinterestEmail

Controlo de atuador em ambiente altamente corrosivo

Aplicação

Controlo de atuador com orifício de grande dimensão em refinaria.

Desafio

O falha da eletroválvula instalada no atuador, que controlava uma válvula on/off crítica e de grandes dimensões, causava ao cliente tempos de inatividade não planeados. 

As falhas da eletroválvula eram causadas pela acumulação de sujidade nos componentes internos da válvula. A sujidade entrava na válvula devido à sua construção que apresentava um orifício de ventilação aberto para a atmosfera.

O cliente procurava uma eletroválvula de substituição comprovada na prática em aplicações semelhantes e sem qualquer orifício aberto para a atmosfera. Era necessária uma eletroválvula que fosse capaz de suportar caudais elevados, por forma a satisfazer os requisitos da velocidade de abertura e fecho do conjunto atuador de grande dimensão e válvula.

Solução

A ASCO forneceu uma eletroválvula de comando direto série 327 Ex d.  A série 327 é ideal para uma utilização em aplicações tal como esta, porque:327
  • Tem um “design estanque” e como consequência os componentes internos não são afetados pela sujidade ou pelos elementos corrosivos presentes na atmosfera externa.
  • Em aplicações onde o ar pneumático pode ter partículas, o anel guia em PTFE especial reduz o risco de fricção interna e aderência.
  • Em vez de juntas tóricas utilizadas por vários fabricantes, a série 327 utiliza juntas delta duplas que não deterioram com o passar do tempo. A deterioração das juntas tóricas causa um aumento de fricção e com o tempo a válvula pode deixar de funcionar.
  • Não há necessidade de uma mola pesada, porque, graças à utilização do conceito Junta Delta Dupla, a fricção não aumenta ao longo do tempo. Isto significa que bobinas de baixa potência podem ser usadas, o que por si só pode oferecer vantagens em termos de vida útil.
  • Um KV de 1,5 significa que caudais relativamente elevados podem ser atingidos sem a utilização de boosters de volume.
  • As válvulas são comprovadas na prática e têm uma vida útil excecional, que é enfatizado pela capacidade SIL3 da válvula (certificações Exida e TÜV).
  • A série 327 da ASCO está disponível em materiais compatíveis NACE. É aplicável aos componentes internos (não é restrito apenas às partes em contacto com o fluido) e componentes externos. Isto significa que mesmo que o revestimento da bobina esteja aberto em contacto com a atmosfera, todos os componentes são resistentes a Fragilização por Corrosão sob Tensão.

Vantagens

  • A probabilidade das eletroválvulas causarem paragens falsas foi amplamente reduzida, resultando assim numa melhoria no tempo de atividade.
  • No caso excecional de ser necessária a manutenção da válvula, a bobina da série 327 pode ser substituída no local. Significa que a eletroválvula pode permanecer na linha e as conexões pneumáticas não necessitam de ser quebradas.
  • Uma vantagem adicional: a válvula tem um consumo de potência reduzido de quase menos 50%: desde 15W a 18W. Isto torna-se possível graças à força reduzida da mola da eletroválvula série 327. Permite assim ao cliente poupar em instalações futuras, uma vez que cabos mais finos são necessários e não são precisos relés intermédios.


Links Úteis

Para selecionar a série 327 ou pedir um orçamento,
aceda ao Catálogo de Produto Online


Para mais informação sobre a eletroválvula série 327,
visite o nosso website 327


Para ver o video 327 onde é explicado
o design da válvula, por favor clique aqui


Para todos os certificados e declarações, incluindo SIL,
por favor aceda à página de certificações.